Pré-candidato a vereador pelo grupo de Eudes, pede na justiça, que instituto não divulgue resultado de pesquisa

O presidente do PROS em São José de Ribamar, Reinaldo da Silva Ribeiro, através dos advogados do partido, protocolou uma representação na justiça eleitoral contra o conceituado instituto Data Ilha.

Segundo informações do TSE – Tribunal Superior Eleitoral, o Instituto Data Ilha registrou a realização da primeira pesquisa eleitoral em 2020 no município de São José de Ribamar, cujo o resultado está previsto para ser divulgado, segundo o TSE, no sábado (04).

Além dos números para intenções de votos, o levantamento vai tornar público o nível de reprovação da gestão Eudes Sampaio.

Talvez por este motivo, o presidente municipal do PROS, que tem em seu curriculum além do cargo de Assessor do prefeito Eudes Sampaio, a experiência de ter sido o jardineiro da casa de praia do ex-prefeito Luís Fernando, não queira que os números sejam revelados.

Reinaldo, além da experiência com Jardinagem e como assessor do prefeito, também já tentou ser eleito vereador nas últimos três eleições, perdendo em todas.

Em 2008, obteve 805 votos com apoio de Luís Fernando, mas não foi o bastante para se tornar vereador.

Em 2012, percorreu o município pedindo voto para o ex-prefeito Gil Cutrim e terminou a eleição com 725 votos.

Na eleição passada, Reinaldo viu seus votos despencarem e terminou com apenas 495 votos.

Agora, volta em cena, tentando barrar a divulgação da primeira pesquisa eleitoral em São José de Ribamar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *