UEMA: professora do Campus Caxias lança livro de Física voltado para o público infantil - ÉMARANHÃO®

UEMA: professora do Campus Caxias lança livro de Física voltado para o público infantil

Foi lançado na semana passada o livro “Maria Helena no Mundo da Física”, de autoria da professora do Departamento de Matemática e Física da UEMA/Campus Caxias, Olívia de Araújo Aragão Diniz. O lançamento foi realizado através de uma live no Youtube.

Com 72 páginas, o livro publicado pela Editora CRV, trata das aventuras de uma curiosa e imaginativa menina de 8 anos, Maria Helena (nome de uma sobrinha da autora, em quem ela se inspirou), onde a criança questiona sobre assuntos como o tempo, a energia e a visão dos peixes. Nessas investigações ela tem a companhia de amigos, como o coelho Wilson, o gato Anísio, o cachorro Logan e a vovó Soninha.

O diretor do Curso de Física do Campus Caxias, Paulo Afonso de Amorim, se manifestou: “Esse foi um dos melhores acontecimentos; a obra de Olívia é sublime. Simplesmente pelo fato de olhar para o tema. Toda criança é um cientista mirim em potencial”.

O prefácio da obra é da Profa. Dra. Maria de Fátima Salgado. Para ela, as crianças precisam ter mais contato com a Física, de forma agradável, acrescentando que, com muita responsabilidade, competência, conhecimento, sensibilidade e inspiração artística, Olívia Diniz tem feito uma obra maravilhosa em Caxias. No livro, que deve chegar também a Portugal, Maria Helena desvenda a Física no cotidiano e inspira as outras crianças a fazer o mesmo.

A professora Olívia falou sobre o livro: “A proposta inicial do livro não é que os professores aprendam Física, mas que a utilizem para enriquecer suas aulas. Foi observado que a Física está longe das séries iniciais devido à ausência ou pouca intimidade dos profissionais de educação com a disciplina. É uma ciência da natureza. Permite a manipulação concreta de todos os materiais. Com as seis histórias do livro queremos dar ao professor uma ferramenta que o ajude nesse trabalho”.

Para a autora, a criança que tem contato com a Física terá uma visão de mundo diferente, crítica, com opinião própria, contribuindo para o mundo. “É possível ensinar Física para uma criança. Maria Helena não é um personagem, mas um personagem vivo. As histórias podem ser encenadas em sala de aula, como teatro científico, criando espírito de equipe. Essa é a principal ideia do livro”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *